quarta-feira, 12 de julho de 2017

BAHIA 3X1 PONTE PRETA, VITÓRIA/DANIEL ALVES, FLU DE FEIRA E MUITO MAIS

Quarta, 12 de Julho de 2017 - 21:21 BAHIA NOTICIAS  FONTE

Rodrigão brilha, Bahia vence a Ponte Preta e respira no Brasileirão

por Ulisses Gama
 Rodrigão brilha, Bahia vence a Ponte Preta e respira no Brasileirão
Foto: Mateus Reche / Estadão Conteúdo
Após sete partidas de jejum, o Bahia voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. O triunfo tricolor teve nome: Rodrigão. Na noite desta quarta-feira (12), o atacante da camisa 39 fez a sua estreia como titular e marcou os dois gols que ajudaram o Bahia a aplicar 3 a 0 sobre a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, em Campinas. Ex-jogador da Macaca, Renê Júnior marcou o terceiro. Estes foram os primeiros três pontos do clube em uma partida fora de casa nesta competição.
 
Com o resultado positivo, que não vinha há sete jogos, o Esquadrão chegou aos 15 pontos e segue fora da zona de rebaixamento nesta rodada. O próximo desafio do time comandado por Jorginho será no próximo domingo (16), às 19h contra o Avaí, no estádio de Pituaçu.
 
O JOGO
 
Rodrigão abriu o placar no início do jogo
 
Dominando a posse de bola nos primeiros minutos, o Esquadrão conseguiu uma falta no lado direito do ataque e foi premiado. Aos três, Régis levantou bola na área, Rodrigão cabeceou e conseguiu vencer o goleiro Aranha.
 
Em seguida, a Ponte Preta saiu em busca do gol de empate. Aos dez minutos, Fernandinho aproveitou a sobra de um escanteio, chutou com força de esquerda e a bola passou muito perto da meta de Jean.
 
Após ver a Ponte dominar a posse de bola e estar mais presente no setor ofensivo, o Bahia quase ampliou a vantagem com Rodrigão, que recebeu passe de Régis, passou por um defensor e finalizou com força, ao lado do gol de Aranha.
 
Ponte quase empatou
 
O empate do time da casa quase veio aos 37 minutos, Jadson recebeu um belo passe de Emerson na grande área e bateu cruzado. A bola bateu na trave, voltou para a pequena área e Tiago afastou.

Segundo tempo
 
Rodrigão marcou o segundo do Bahia
 
Novamente nos primeiros minutos, o Bahia conseguiu ampliar o marcador. Após um chute vindo da defesa, Rodrigão ficou com a sobra, driblou o goleiro Aranha e tocou para o gol. No lance, o camisa 39 saiu machucado e deu lugar a Gustavo Ferrareis.
 
Nervosa na partida, a Ponte Preta não conseguia causar perigos ao gol defendido por Jean. O Bahia, por sua vez, tentava aproveitar os espaços nas jogadas de contra-ataque. 

Aos 30, a Ponte quase diminuiu a diferença. Depois da cobrança de escanteio, Yuri cabeceou e Jean, bem posicionado, evitou o tento. O lance de perigo deixou a torcida local nervosa e assim os protestos tiveram início.


Renê Júnior fez o terceiro do Esquadrão
 
O Bahia soube aproveitar o espaço concedido pela Ponte Preta e marcou o seu terceiro gol. Aos 39, Vinícius deu passe para Renê Júnior, que chutou com força e estufou as redes, sem chances para Aranha.
 
FICHA TÉCNICA
Ponte Preta x Bahia
Campeonato Brasileiro - 13ª rodada
Local: Moisés Lucarelli, em Campinas
Data: 12/07/2017
Horário: 19h30
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Luciano Roggenbaum (PR)
Assistentes adicionais: Adriano Milczvski e Edina Alves Batista (PR)
Cartões amarelos: Fernandinho (Ponte Preta) / Feijão, Tiago, Zé Rafael (Bahia)
Gols: Rodrigão (duas vezes)  e Renê Júnior (Bahia)
 
Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Kadu e Fernandinho; Fernando Bob, Jádson (Xuxa), Wendel (Filipe Saraiva) e Claudinho (Yuri); Lucca e Emerson Sheik. Técnico: Gilson Kleina.
 
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Renê Júnior, Matheus Sales e Régis (Vinícius); Mendoza, Zé Rafael (Juninho) e Rodrigão (Ferrareis). Técnico: Jorginho.
Quarta, 12 de Julho de 2017 - 21:00

Grohe, Pedro Rocha e Bolaños desfalcam o Grêmio no duelo contra o Flamengo

por Estadão Conteúdo
Grohe, Pedro Rocha e Bolaños desfalcam o Grêmio no duelo contra o Flamengo
Foto: Divulgação
O técnico Renato Gaúcho ainda não poderá contar com o goleiro Marcelo Grohe e o atacante Pedro Rocha para o importante duelo de quinta (13), entre Grêmio e Flamengo, às 19h30, no estádio Luso Brasileiro, no Rio, pelo Campeonato Brasileiro. Os dois atletas estão fora da lista de relacionados divulgada nesta quarta-feira (12).

Grohe até voltou a treinar na terça (11) após cicatrizar um corte profundo sofrido no joelho esquerdo no duelo contra o Godoy Cruz, na Argentina, semana passada, pela Copa Libertadores. Mas, como adiantou Renato Gaúcho, ele ainda não tem condições de jogo. O mesmo ocorre com Pedro Rocha, que se recupera de um desgaste muscular. Tanto o goleiro como o atacante foram desfalques na derrota para o Avaí, no domingo.

"O Marcelo ainda não consegue fazer alguns movimentos no joelho e está fora. Conversei com o Pedro ontem (terça) e, se fosse uma decisão, eu o colocaria para jogar, o que não é o caso. É um pouco arriscado colocá-lo e perdê-lo por um tempo maior", explicou o treinador.

Além do desfalque de Grohe e Pedro Rocha, dois importantes titulares, o Grêmio também não poderá contar com Miller Bolaños. Segundo informou o clube gaúcho, o atacante equatoriano não foi relacionado devido a problemas particulares.

Fechando nesta quarta-feira a preparação para enfrentar o Flamengo, Renato comandou um trabalho técnico em campo reduzido, onde os atletas trocavam passes em espaço curto sob forte marcação. Depois, o elenco disputou um rachão.

Confira a lista de jogadores relacionados no Grêmio:

Goleiros: Léo e Bruno Grassi.
Zagueiros: Pedro Geromel, Kannemann, Rafael Thyere e Bruno Rodrigo.
Laterais: Bruno Cortêz, Marcelo Oliveira, Edilson e Leonardo Gomes.
Volantes: Kaio, Jaílson, Arthur, Michel e Ramiro.
Meia: Lincoln.
Atacantes: Luan, Lucas Barrios, Everton, Fernandinho e Dionathã.


De volta ao Mundial de natação, Cesar Cielo se diz mais maduro
Foto: Sátiro Sodré / SSPress / CBDA
Convocado para o Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, em Budapeste (Hungria), o brasileiro Cesar Cielo se diz mais maduro, aos 30 anos. É a primeira competição importante do velocista desde seu retorno às piscinas neste ano, após um período sabático – ele avaliou a possibilidade de se aposentar depois de não ter conseguido ir aos Jogos Olímpicos 2016.

Ele disse que, nesse período, passou por um amadurecimento que o fez ser mais paciente. – “A experiência muda, estou muito mais maduro do que antes, ao mesmo tempo mais cuteloso com algumas coisas. Eu não sou mais tão inconsequente, de querer só resultado e pronto, hoje estou mais calmo e penso na temporada como um todo. Antes eu fazia e depois pensava, hoje não. Eu penso antes de fazer. Estou mais técnico e preparado para o pré-prova, não fico mais nervoso”, disse, ao Globoesporte.com.

A competição começa nesta sexta-feira (14). Ele estará nas provas de 50m livre, na qual é recordista mundial, e no revezamento 4x100 livre.


Bolsa de US$ 100 milhões para luta de boxe pode aposentar McGregor, diz Dana White
Foto: Evelyn Rodrigues / Combate
O chefão do UFC, Dana White, admitiu que o lutador de MMA, Conor McGregor, pode nunca mais entrar no octógono da franquia. A aposentadoria precoce seria por conta da "modesta" bolsa que o detentor do cinturão dos pesos-leves vai receber na luta de boxe contra Floyd Mayweather. Ele vai embolsar US$ 100 milhões, cerca de R$ 323,4 milhões, para subir no ringue.

"Para ser bem sincero, não tem como saber. Ele vai ganhar uma grana alta para esta luta e talvez nunca mais volte a lutar novamente. Não seria o primeiro cara a sumir do UFC depois de ganhar uma bolada. Faz parte do acordo. Conor fez muito pelo nosso esporte, pela empresa, e por isso permitimos essa superluta. Mas, se ele entender que essa será sua última luta, então será", declarou.

O maior valor que o irlandês recebeu por uma luta de UFC foi apenas US$ 3 milhões, equivalente a R$ 9,7 milhões. Dana também falou que o contrato de McGregor para a luta de boxe não tem nenhuma cláusula de revanche.

"Não tem como nem falar sobre revanche sem ver como a luta será primeiro. Se Floyd Mayweather x Conor McGregor for uma das melhores lutas que você já viu na vida, provavelmente será uma luta que terá que acontecer de novo, mas se não for... Eu quero voltar ao meu mundo depois disso", afirmou.

A luta entre Mayweather e McGregor, que terá 12 assaltos, está marcada para acontecer no dia 26 de agosto, na T-Mobile Arena, em Las Vegas, nos Estados Unidos. O horário do embate ainda não foi definido pela organização do evento.
Taça BH Sub-17: Vitória estreia com empate diante da Chapecoense
Foto: Divulgação
O Vitória estreou na Taça BH Sub-17 com um empate em 1 a 1 diante da Chapecoense, nesta quarta-feira (12), no CT da Toca da Raposa I, em Belo Horizonte. Os gols da partida foram marcados por Lucão (Vitória) e Lucas (Chape). O time comandado pelo técnico Rodrigo Chagas volta a campo na sexta-feira (14) para pegar o Novo Horizontino-SP, às 11h, no mesmo local.
Quarta, 12 de Julho de 2017 - 18:30

Lateral do Flu de Feira, Edson fala sobre chances de acesso à Série C

por Matheus Caldas
Lateral do Flu de Feira, Edson fala sobre chances de acesso à Série C
Foto: Sidnei Campos / Folha do Estado
O Fluminense de Feira terá um jogo decisivo neste domingo (16), às 16h, no Joia da Princesa. O Touro receberá o Campinense-PB e tem a vantagem de poder empatar por 0 a 0 para poder avançar às oitavas de final da competição. Lateral-direito tricolor, Edson avaliou a importância do duelo.

Seguindo a opinião do goleiro Jair (entenda aqui), o jogador do clube baiano acha que, quem sair classificado dessa fase, é favorito ao acesso à Série C. “Por isso que volto a falar da dificuldade desse jogo. Ainda faltam 90 minutos. Todo cuidado e toda atenção é importante. Estamos treinando forte para fazer um grande jogo e sem erros e, para isso, estamos treinando muito forte. Quem passar desse embate tem totais chances de conseguir o acesso, sim”, opinou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Apesar da vantagem, Edson prega cautela com o adversário. Até aqui, na Série D, os três times empataram três vezes. “Temos ciência de que fizemos um bom jogo lá em Campina Grande, mas nada decidido ainda. Tem nada ganho. Sabemos da dificuldade que vai ser aqui em Feira, até pela qualidade do time do Campinense. Mas esperamos fazer um grande jogo e conseguir nosso objetivo”, destacou.

Nesta fase, o gol marcado fora de casa é critério de desempate. Caso tenha a defesa furada, o Touro precisará vencer por qualquer placar para se classificar diretamente sem disputa de pênaltis.


Quarta, 12 de Julho de 2017 - 17:30

Fluminense de Feira x Campinense: Com promoção, venda de ingressos é iniciada

por Matheus Caldas
Fluminense de Feira x Campinense: Com promoção, venda de ingressos é iniciada
Foto: Francisco Carlos / Ag. Haack / Bahia Notícias
O Fluminense de Feira iniciou nesta quarta-feira (12) a venda dos ingressos para a partida de volta da segunda fase da Série D, contra o Campinense, às 16h deste domingo (16), no Joia da Princesa. Na segunda (10), a diretoria anunciou uma promoção e as entradas custarão R$ 10 (leia mais aqui).

Para o diretor do clube, Zé Chico, essa promoção é para tentar motivar os torcedores do Touro a comparecerem ao estádio. "A carga de ingressos foi solicitada para que as vendas comecem hoje, até mesmo como uma forma de motivar mais ainda o nosso torcedor para este jogo importante de domingo, no qual um empate em 0 x 0 dará a nossa classificação para a próxima fase da Série D. O preço de R$ 10 é na realidade uma situação que discutimos com os demais dirigentes e todos entenderam que essa seria uma medida interessante mediante a importância do jogo", afirmou, em entrevista ao site oficial.

Em contato com a reportagem do Bahia Notícias, a assessoria do Touro divulgou que, nas bilheterias do Joia, os ingressos só serão comercializados no dia do jogo, a partir das 9h. Antes disso, cinco pontos espalhados pela cidade venderão os bilhetes.

O Touro joga por um empate em 0 a 0 para avançar às oitavas de final da competição nacional.

Pontos de venda:

Sede central clube: Rua Geminiano Costa, 323 – Centro
Casa Esportiva - Rua Conselheiro Franco
 Mariana Esportes - Rua Marechal Deodoro
Loja Auto Volks - Av. Sr. dos Passos, 1765
Avenida Presidente Dutra
Joia da Princesa (no dia da partida, a partir das 9h)
Quarta, 12 de Julho de 2017 - 16:00

Dario Rêgo consegue na Justiça retorno à presidência do Galícia; clube nega

por Matheus Caldas
Dario Rêgo consegue na Justiça retorno à presidência do Galícia; clube nega
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
Rebaixado à Série B do Campeonato Baiano, o Galícia tem novo presidente, mesmo sem estar participando de competições oficiais. Dario Rego, está de volta ao cargo, por meio de uma decisão proferida pela 6º vara de juizados especiais, nesta quarta-feira (12). Ele havia sido afastado da presidência do Granadeiro em novembro do ano passado, numa Assembleia Extraordinária convocada pelo Conselho Deliberativo da agremiação. “Eu fui tirado de uma forma sorrateira e traiçoeira por um conselho que foi eleito em consenso comigo. Eles colocaram o clube na pior situação que teve até hoje. Não pagaram um jogador. Contrataram 60 jogadores e três técnicos num período de 10 jogos, colocando a imagem do clube no ralo. A Justiça reconheceu meu direito e viu que tudo foi feito de forma irregular”, desabafou, em entrevista ao Bahia Notícias. Procurada pela reportagem do BN, a assessoria galiciana disse que o clube ainda não foi notificado e, portanto, não é algo oficial. Manolo Muinõs presidiu a agremiação soteropolitana no Baianão deste ano.
Taça BH: Na estreia, Bahia sub-17 empata sem gols com o Juventude
Foto: Divulgação / EC Bahia
O time sub-17 do Bahia estreou na Taça Belo Horizonte na manhã desta quarta-feira (12) com um empate sem gols contra o Juventude, no Sesc Venda Nova, na capital de Minas Gerais. 

O time, comandado por Manoel Alex, entrou com a seguinte formação em campo: Carlos Bruno; João Pedro, Everson (Douglas), Enck e Caio; Erick, Ramires, Dimitri (Rodrigo) e Daniel (Rodrigo Sabará); Alexandre Pirueta (Tomaz) e Elly Sabiá.

O Tricolor volta a campo às 15h desta sexta-feira (14), contra o Villa Nova-MG, em Nova Lima.


Murray é eliminado de Wimbledon por Querrey e pode perder a liderança do ranking
Foto: Getty Images
Número 1 do ranking mundial da ATP, o tenista britânico, Andy Murray, foi eliminado do Grand Slam de Wimbledon, nesta quarta-feira (12), disputado em Londres. O algoz do atual campeão do torneio foi o norte-americano Sam Querrey, que venceu a partida por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 6/4, 6/7, 6/1 e 6/1, válida pelas quartas de final.

O revés pode custar o topo do ranking ao escocês. Ele terá que torcer para que o sérvio Novak Djokovic não seja campeão de Wimbledon. Desde o início do torneio, Murray vem sofrendo com as dores. Ele chegou a ser dúvida para a disputa londrina (leia mais). Nesta quarta, o britânico liderou o jogo por dois sets a um, mas no set seguinte começou a dar claros sinais de preocupação com a lesão no quadril. Querrey, então, equilibrou a partida e conseguiu vencer.

Sam Querrey avançou para a semifinal de Wimbledon. Desde 2009, um tenista dos Estados Unidos não chegava nesta fase de um Grand Slam. O último foi o ex-tenista Andy Roddick, exatamente, no torneio londrino.
PSG oficializa contratação de Daniel Alves por duas temporadas
Foto: Divulgação / PSG Site Oficial
O baiano Daniel Alves vai morar em Paris até o dia 30 de junho de 2019. O Paris Saint-Germain (PSG) anunciou oficialmente a contratação do atleta, de 34 anos, por duas temporadas, nesta quarta-feira (12). O lateral, que havia rescindido contrato com a Juventus desde o mês passado (leia mais), vibrou ao assinar com o clube parisiense. 

"Estou extremamente feliz por fazer parte do Paris Saint-Germain", afirmou. "Nos últimos anos, pude ver de fora o enorme crescimento deste clube, que se tornou um dos destaques do futebol europeu. É muito excitante me tornar agora uma peça neste grande projeto. Sempre dei o meu melhor para ajudar as equipes em que passei a ir o mais alto possível. Eu também chego a Paris para vencer. Conheço as ambições do meu novo clube e as expectativas de seus torcedores ao redor do mundo. Vamos compartilhar grandes momentos, tenho certeza disso", completou.

O PSG travou uma disputa pelo atleta com Manchester City, Chelsea e Tottenham. Por ter Pep Guardiola como comandante, o City era o favorito para contratar o craque. Mas, como diz o ditado, os franceses, que chegaram por último, atenderam a todos os pedidos do jogador, nascido em Juazeiro, e ganharam a concorrência. O principal deles dizia respeito a duração do vínculo. Inclusive, este foi o motivo da rescisão de contrato com a Juve. A Velha Senhora bateu o pé para renovar por mais uma temporada, enquanto que Daniel queria o dobro do tempo oferecido.

O novo camisa 32, do PSG, foi um dos principais jogadores da Juventus na temporada passada. A equipe italiana faturou a liga nacional e a copa, além de ter sido finalista da Liga dos Campeões da Europa, o maior torneio do continente.
STJD denuncia o Paysandu por atos homofóbicos por parte de torcida organizada
Foto: Reprodução / Facebook
O Paysandu é o primeiro clube denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por homofobia. Segundo a jornalista Gabriela Moreira, da ESPN Brasil, em publicação no seu blog nesta quarta-feira (12), o clube está sendo acusado de discriminação de gênero por atos praticados por uma das suas torcidas organizadas, a Terror Bicolor. A denúncia é do procurador Leonardo Andreotti.

Caso seja condenado, o clube pode ser punido com a perda de três pontos na competição, perda do mando de campo e pagamento de multa que pode chegar a 100 mil reais. Além dessa acusação, o clube paraense ainda poderá ser enquadrado em outro artigo, por deixar de tomar providências para previnir e reprimir desordens no estádio.

O fato aconteceu na partida contra a Luverdense, no dia 30 de junho, no estádio do Curuzu, no Pará, pela 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Integrantes da organizada agrediram torcedores do próprio time por causa da manifestação da torcida Banda Alma Celeste a favor da causa LGBT. Um boletim de ocorrência foi registrado narrando as agressões e, ainda relantando ameaças de morte.

Somente um caso de preconceito de orientação sexual aconteceu até o momento, que foi em 2014. No entanto, foi arquivado na fase de inquérito.

O Paysandu ocupa a 16ª colocação na Série B com 14 pontos, um a mais do que, justamente, a Luverdense, que é o primeiro time na zona de rebaixamento.
Venda de Douglas ao Manchester City é a maior da história do Vasco
Foto: Paulo Fernandes / Vasco.com.br
Um dos destaques do Vasco nest ano, o volante Douglas foi vendido ao Manchester City por 13 milhões de euros, o equivalente a cerca de R$ 45,5 milhões. É a maior venda da história clube carioca. Além disso, outro detalhe curioso é que o jogador foi também o que menos vestiu a camisa do Cruz-maltino. Ele estreou em 2016 e de lá para cá foram 39 jogos disputados e cinco gols marcados.

O negócio ainda pode atingir a quantia de 16 milhões na moeda europeia, caso o atleta cumpra metas estabelecidas no contrato. Porém, ele não vai chegar no Velho Continente e já brigar por uma vaga no time titular do clube inglês. Devido às exigências de concessão da licença de trabalho na Inglaterra, Douglas deverá ser emprestado ao Girona, da Espanha.

O volante chegou a ser relacionado pelo técnico Milton Mendes para enfrentar o Vitória, nesta quarta-feira, às 21h45, no estádio do Barradão. Porém, ele ficou no Rio de Janeiro, já a rescisão de contrato com o Vasco foi publicada no Boletim Informativo Diário (BID), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na última terça-feira (11).
Fora desde fevereiro, José Welison comenta recuperação: ‘Me sentindo cada dia melhor’
Foto: Maurícia da Matta/ Divulgação / Vitória
Afastado dos gramados desde fevereiro (saiba mais aqui) após passar por uma cirurgia no joelho, o volante José Welison, do Vitória, não vê a hora de voltar a jogar. O jogador se diz cada dia melhor. A previsão inicial do departamento médico é que ele seja liberado em setembro
 
“Estou fazendo um trabalho forte com o departamento físico para estar à disposição o quanto antes. Venho realizando atividades físicas e me sentindo cada dia melhor. A tendência é evoluir muito mais nas próximas semanas. Estou muito feliz com essa melhora. A confiança só aumenta”, afirmou o jogador.
 
José Welison ainda garante que o time está comprometido e focado para melhorar a classificação na tabela do Campeonato Brasileiro. Atualmente, o Leão ocupa a 17ª posição com 12 pontos.
 
“Tenho acompanhado muito o grupo. Não deixei de estar presente em momento algum desde a minha lesão. Vejo um elenco comprometido e focado em fazer uma grande Série A. Todos estão muito confiantes e cientes das dificuldades da competição, que está muito equilibrada este ano”, finalizou.
 
Nesta quarta-feira (12), o Vitória encara o Vasco da Gama, às 21h45, no Barradão, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Internacional sai em defesa de zagueiro em episódio racista: 'Não foi nesses termos'
Foto: Divulgação / Internacional
O vice presidente de futebol do Internacional, Roberto Melo saiu em defesa do zagueiro argentino Victor Cuesta. O jogador foi acusado pelo atacante Elton, do Ceará, de ter chamado o colega de trabalho de macaco (leia mais). O episódio aconteceu na última terça-feira (11), durante a vitória da equipe gaúcha por 2 a 0 sobre o time nordestino, pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Melo revela ter conversado com Cuesta após o jogo.

"Conversamos com ele. Ele colocou que não falou nada. Disse que foi xingado em campo, mas que não usou esses termos. Tem carreira longa e nunca teve questão envolvendo esse tipo de coisa. Outro atleta está dizendo que ouviu ele chamá-lo de algum termo. Tem que condenar, mas o que o jogador nos passou é que não usou. Eles discutiram, mas esse termo, disse que não usou", afirmou.

O técnico Guto Ferreira também saiu em defesa de Cuesta. Ele disse que este ocorrido não está de acordo com o comportamento do atleta.

"Estou há 40 dias no Inter e o Cuesta é um jogador com postura exemplar, tanto em questão de treinamento, assim como de conduta. Eu prefiro acreditar no Cuesta. É uma coisa grave sim, mas acho que não houve nada", declarou.

O zagueiro não se manifestou sobre o episódio. Com a vitória o Inter subiu para a quinta colocação com 21 pontos. Enquanto que o Ceará caiu para oitavo ao estacionar nos 18.
Talisca se defende de críticas do técnico do Besiktas: 'Estou voltando para Turquia'
Foto: Getty Images
O meia Talisca se defendeu das críticas feitas pelo técnico do Besiktas, Senol Gunes. Ele publicou um comunicado informando que já se acertou com o Besiktas e que vai se apresentar nesta quinta-feira (13).  Ele disse que os problemas de saúda foram resovidos e que está motivado para a disputa da próxima temporada.

"Sei que a pré-temporada é de extrema importância para o atleta, individualmente, e para o time, como grupo. Por isso mesmo que estou muito ansioso para voltar logo aos gramados!", escreveu.

O treinador do clube turco ficou indignado com a ausência de Talisca na reapresentação do time para o início da pré-temporada. Segundo o jornal português "A Bola", o comandante fez duras críticas ao atleta. 

"Ele é nosso jogador e, sim, ainda não se apresentou. E isso está errado. Ele está desrespeitando o trabalho dele. Será multado por isso, claro. Foi autorizado a ficar mais tempo de férias por causa da doença da mãe mas não voltou na data combinada. Pode ser um bom jogador e ter qualidades acima da média mas tem que respeitar os companheiros. No Benfica, Guedes estava à frente dele por trabalhar duro e não por causa do talento. O Benfica o emprestou e não pensa no retorno de Talisca. Deixou ele sair por causa de problemas como esse. Talisca tem que se questionar e pensar na atitude que está tomando. Se alguém quer jogar tem que treinar. Jogador que não treina, também não joga", afirmou.

De acorco com a publicação portuguesa, Talisca pede um aumento salarial para receber 2 milhões de euros líquidos por ano, o equivalente a R$ 7 milhões, para renovar o contrato de empréstimo. Os turcos, no entanto, não estão dispostos a pagar este valor e jogou o problema para o Benfica, dono dos direitos econômicos, junto com o empresário do atleta Jorge Mendes.

A revelação do Bahia foi fundamental no Besiktas na conquista do título nacional na temporada passada. Durante este período de recesso no futebol europeu, Talisca chegou a ser especulado no Manchester United, do técnico José Mourinho (leia mais).

Leia o comunicado na íntegra:

"Comunico a todos que, conforme acertado com o Besiktas, estarei retornando à Turquia na próxima quinta-feira (13/07) e, de imediato, me apresentarei para a tão esperada volta às atividades no clube. Felizmente, os problemas de saúde que me obrigaram a ficar um pouco mais no Brasil foram resolvidos e isso me deixa ainda mais fortalecido e animado para um temporada ainda melhor do que foi 2016/2017. Sei que a pré-temporada é de extrema importância para o atleta, individualmente, e para o time, como grupo. Por isso mesmo que estou muito ansioso para voltar logo aos gramados! Que Deus nos abençoe e nos guie para mais um ano de glórias!"

Bahia e Vitória participam de campanha de combate à corrupção
Rivais vão se unir contra a corrupção / Foto: Jefferson Peixoto / Ag Haack / BN
Rivais dentro das quatro linhas, Bahia e Vitória se unem contra a corrupção. Os dois maiores clubes do estado integram a campanha “Todos contra a corrupção”, organizada pela Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) na Bahia. Em julho, os atletas das duas agremiações irão colaborar com o projeto, dando visibilidade aos eventos organizados pela ADPF. “Estamos vivendo um momento importante em que o meio jurídico resolveu atuar fortemente no combate à corrupção. A Polícia Federal faz parte desse movimento e precisamos do apoio e da sensibilização da comunidade para que essas ações sejam contínuas e cada vez mais fortes”, disse o presidente da ADPF-Bahia, delegado Rony Silva. Durante a campanha, vídeos e fotos dos jogadores com a camisa promocional serão exibidas nas redes sociais.
Atacante do Ceará acusa zagueiro do Internacional de racismo durante partida
Foto: Fernando Becker / Globoesporte.com
Mais um caso do abominável racismo é flagrado nos gramados do futebol brasileiro. O atacante Elton, do Ceará, revelou ter sido chamado de macaco pelo zagueiro argentino, Victor Cuesta, do Internacional. As duas equipes se enfrentaram na noite da última terça-feira (11), no estádio do Castelão, em Fortaleza, e acabou com vitória Colorada por 2 a 0, pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. 

"Foi o Victor Cuesta, zagueiro. Me chamou de macaco", afirmou. "Lamentável. É lamentável estar falando desse episódio. A gente sabe que nos tempos de hoje é absurdo que pessoas possam cometer esse tipo de atitude. Alguns jogadores ouviram. Me contive ali, eu perdi a cabeça. São seres humanos. É inadmissível uma atitude dessas. Tomara que as câmeras tenham pego esse momento. Eu fico muito triste. O Inter é time grande. Não merece ter um jogador como esse tendo esse tipo de atitude", completou.

O baiano de Iramaia, que passou duas vezes pelo Vitória em 2012 e 2015, disse que vai procurar a diretoria do Ceará para analisarem as imagens do ocorrido e discutirem o que poderá ser feito.

"Vamos conversar com o pessoal do Ceará. Se as câmeras captaram. Tomara que sim. Alguns jogadores do time deles ouviram. A gente fica triste, chateado. Eu nunca tinha passado por isso. Alguns colegas já passaram. A gente fica chateado. Vamos conversar para ver as atitudes", disse.

Com a vitória, o Inter ganhou uma posição e agora ocupa a quinta colocação com 21 pontos na tabela de classificação. Já Ceará, caiu três posições e encontra-se em oitavo com três pontos a menos. Na próxima rodada, as duas equipes jogam no sábado (15). O clube gaúcho visita o CRB, no estádio Rei Pelé, enquanto que os cearenses recebem o Juventude, no estádio Presidente Vargas. 
Justiça determina bloqueio de R$ 500 mi da Odebrecht; conta só tinha R$ 200 mil
Bloqueio cobriria empréstimo para obra do Itaquerão | Foto: Agência Brasil
A Justiça determinou nesta semana o bloqueio de R$ 500 milhões de uma conta bancária da Odebrecht, mas segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, só tinham R$ 200 mil disponíveis. Os recursos bloqueados seriam destinados a cobrir o financiamento que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) concedeu à companhia para a construção da Arena Corinthians, o Itaquerão. A ordem judicial foi emitida no âmbito de ação popular que questiona a regularidade da negociação com o banco. O caso é semelhante ao que aconteceu em ação popular movida contra o empresário Joesley Batista, sócio da JBS. Em junho deste ano, a Justiça determinou o bloqueio de R$ 800 milhões de uma conta pessoal do executivo, mas só havia R$ 300 mil. 
Quarta, 12 de Julho de 2017 - 06:15

Para engatar reação, Vitória encara o Vasco no Barradão

por Glauber Guerra
Para engatar reação, Vitória encara o Vasco no Barradão
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O Vitória não perde há dois jogos. Vem de um empate diante do Bahia e um triunfo sobre o Atlético-GO. No entanto, o time Rubro-negro faz uma campanha abaixo das expectativas. Com apenas 12 pontos, ocupa a 17ª posição no Campeonato Brasileiro. Para engatar uma reação e conseguir o segundo triunfo consecutivo no certame, a equipe comandada pelo técnico Alexandre Gallo encara o Vasco da Gama nesta quarta-feira (12), às 21h45, no Barradão, válido pela 13º rodada.
 
Para o confronto, o técnico Alexandre Gallo não poderá contar com Willian Farias, vetado pelo departamento médico por conta de uma distensão no ligamento colateral do joelho direito. Com isso, a tendência é que Renê Santos seja o substituto.
 
Quem retorna ao time é o lateral-esquerdo Geferson, que cumpriu suspensão no último jogo após acumular três cartões amarelos.
 
Vitória e Vasco já se enfrentaram nesta temporada pela terceira fase da Copa do Brasil. O jogo de ida em São Januário terminou empatado em 1 a 1 e o jogo de volta o Leão venceu por 1 a 0 e eliminou o Cruz-maltino. Na história do Brasileirão, o Rubro-negro baiano leva vantagem nos confrontos. Em 34 partidas disputadas, o Vitória venceu 15, perdeu 11 e empatou oito.
 
A tendência é que o time Rubro-negro entre em campo com: Fernando Miguel, Patric, Kanu,Ramon e Geferson; Renê Santos, Cleiton Xavier, Yago e Carlos Eduardo; David e André Lima.
 
FICHA TÉCNICA
Vitória x Vasco
Campeonato Brasileiro – 13ª rodada
Local: Barradão, em Salvador.
Data: 12/07/2017
Horário: 21h45
Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fabio Pereira (TO)
Assistentes adicionais: Claudio Francisco Lima e Silva (SE) e Alisson Sidnei Furtado (TO).
 
Vitória: Fernando Miguel, Patric, Kanu,Ramon e Geferson; Renê Santos, Cleiton Xavier, Yago e Carlos Eduardo; David e André Lima. Técnico: Alexandre Gallo.
 
Vasco da Gama: Martín Silva; Madson, Rafael, Jomar e Ramon; Jean, Wellington, Pikachu, Wagner e Escudero; Thalles. Técnico: Milton Mendes.
Quarta, 12 de Julho de 2017 - 06:00

Pressionado pelo longo jejum, Bahia visita a Ponte Preta em Campinas

por Ulisses Gama
Pressionado pelo longo jejum, Bahia visita a Ponte Preta em Campinas
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia
Com o risco real de entrar na zona de rebaixamento, o Bahia vive uma fase ruim que parece não ter fim neste Campeonato Brasileiro. Após o empate com o Fluminense no último domingo (9), a equipe do técnico Jorginho enfrenta a Ponte Preta nesta quarta-feira (12), às 19h30, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.
 
Além da fase complicada com os resultados, há um problema com os gols. Nos últimos cinco jogos, apenas três tentos foram marcados. A solução talvez esteja no atacante Rodrigão, que fará a sua estreia como titular no duelo contra a Macaca.
 
"Tem que estar pronto sempre, né? Temos um jogo difícil contra Ponte, sabemos que jogar lá é complicado. Temos que manter o foco e a mesma pegada que teve em casa tem que ter fora, e a busca pelos três pontos", declarou o camisa 39.
 
Para o duelo, o Bahia não terá o lateral-esquerdo Armero, com pubalgia. Assim como ele, o zagueiro reserva Éder está de fora por uma virose. O lateral Wellington Silva e os atacantes  Maikon Leite, Hernane e Edigar Junio são outros desfalques por lesão. Já o volante Edson segue cumprindo a punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).
 
Por outro lado, o meia Allione, que cumpriu suspensão diante do Fluminense, retorna e fica à disposição do técnico Jorginho. 
 
Assim como o Bahia, a Ponte Preta também vive o seu jejum e está próxima dos quatro últimos lugares. Para voltar a vencer, o técnico Gilson Kleina pediu o apoio do torcedor. 
 
"Temos que buscar as vitórias fora de casa, é fato, mas agora o foco é vencer quarta-feira [contra o Bahia] para marcar três pontos e precisamos do torcedor do nosso lado, para fazer a diferença", indicou.
 
FICHA TÉCNICA
Ponte Preta x Bahia
Campeonato Brasileiro - 13ª rodada
Local: Moisés Lucarelli, em Campinas
Data: 12/07/2017
Horário: 19h30
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Luciano Roggenbaum (PR)
Assistentes adicionais: Adriano Milczvski e Edina Alves Batista (PR)
 
Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Kadu (Rodrigo) e Fernandinho; Fernando Bob, Jádson, Wendel e Léo Artur (Renato Cajá ou Claudinho); Lucca e Emerson Sheik. Técnico: Gilson Kleina.
 
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Renê Júnior, Matheus Sales e Régis; Allione, Zé Rafael e Rodrigão. Técnico: Jorginho.
Terça, 11 de Julho de 2017 - 22:45

Inter vence Ceará no Castelão e continua na beira do G4 da Série B

por Estadão Conteúdo
Inter vence Ceará no Castelão e continua na beira do G4 da Série B
Foto: Divulgação/ Internacional
Em uma boa apresentação, o Internacional derrotou o Ceará por 2 a 0, na noite desta terça-feira, na Arena Castelão, pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com intensidade e eficiência, dominou o jogo e contou ainda com gols de seus atacantes que quebraram o jejum de cinco jogos sem marcar. William Pottker e Nico López fizeram os gols gaúchos ainda no primeiro tempo.

Esta foi a segunda vitória do time gaúcho em sete jogos, deixando o Inter com 21 pontos, encostado no G4 - zona de acesso. O Ceará permanece com 18 pontos, em posição intermediária.

O Inter começou o jogo melhor, muito bem armado na defesa para reagir nos contra-ataques. Mostrou força e intensidade. Tanto que abriu o placar aos 11 minutos. Claudio Winck cobrou lateral para Edenílson, que foi até a linha de fundo e cruzou para trás. A bola bateu nas pernas de William Pottker, na pequena área, e entrou.

O time gaúcho soube tirar proveito do momento de instabilidade do Ceará. Ampliou o placar aos 19 minutos, em outro lance que começou com Claudio Winck. Ele chutou de longe, com força, e Éverson mostrou agilidade para defender após toque na trave. Pottker pegou o rebote de primeira e Éverson salvou com os pés, mas a bola sobrou fora da área para o chute no ângulo de Nico López. Os cearenses reclamaram de impedimento no lance.

Dois minutos depois, quase saiu o terceiro gol. Pottker entrou na área pelo lado esquerdo e bateu no alto. A bola explodiu no travessão e foi aliviada pela defesa. O Ceará, embora com posse de bola, não finalizava. Levou perigo numa cabeçada de Pedro Ken, que passou perto da trave direita e, depois, num chute cruzado de Rafael Carioca, que quase encobriu Danilo Fernandes.

Na volta para o segundo tempo, Cafu entrou no ataque no lugar de Roberto. Até conseguiu impor mais velocidade e acuar o Inter para seu campo defensivo. Mas, aos 14 minutos, a torcida atrapalhou, porque acendeu sinalizadores e o jogo foi paralisado por cinco minutos.

No reinício, Magno Alves arriscou de longe, mas Danilo Fernandes caiu bem na bola e fez o encaixe. O Inter ficou muito na defesa, tanto que o técnico Guto Ferreira tentou mudar o cenário com duas trocas. Entraram Juan e Diego, respectivamente, nos lugares de D'Alessandro e Nico López. Os dois saíram muito cansados.

De outro lado, Marcelo Chamusca arriscou tudo no Ceará, tirando o volante Raul para a entrada do atacante Elton. Ficou sujeito ao contra-ataque, como o que aconteceu aos 27 minutos. Dourado lançou Winck em velocidade e ele tentou dar por cobertura, mas a bola ficou nas mãos de Éverson.

O goleiro cearense também evitou outro gol aos 35 minutos, quando Diego entrou livre da área e fintou Éverson, que se recuperou no lance aos 35 minutos. O Ceará, batido, não chegou mais com perigo na frente.

No próximo sábado os dois times jogam pela 14ª rodada. O Ceará, de novo, em casa e diante do Juventude, às 19 horas. O Inter vai continuar no Nordeste, porque vai enfrentar o CRB, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).
Terça, 11 de Julho de 2017 - 22:15

Presidente do Corinthians critica torcida única: 'STJD não resolverá a violência'

por Estadão Conteúdo
Presidente do Corinthians critica torcida única: 'STJD não resolverá a violência'
Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians
O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, criticou duramente o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta terça-feira, na véspera do duelo contra o Palmeiras no Allianz Parque, e reclamou do fato de ter mais um clássico em São Paulo com torcida única. O dirigente corintiano chamou de demagogia as punições aos clubes e pediu maior rigor da lei para quem comete violência.

"A violência não está somente na arquibancada, mas em todo o País, em toda a esquina. Isso (punição) é uma demagogia grande. O corintiano é obrigado a ficar em casa e não pode nem andar na rua por causa disso. Gostaria que alguém me explicasse em que isso resolveu o problema", disse o dirigente, em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, nesta terça-feira.

Roberto de Andrade diz que continua tentando reverter a punição de clássicos em torcida única, mas ainda não obteve sucesso. "O STJD não vai resolver a violência. Tem que atacar a violência com punição a quem faz o ato. Imagens é o que não falta. Todo mundo vê o que acontece. Quando se quer, conseguem tomar uma atitude séria", completou. A exigência de torcida única em clássico em São Paulo teve início em abril do ano passado.

Na partida contra a Ponte Preta, na última rodada, o Setor Norte do Itaquerão foi fechado como punição pelo fato de torcedores usarem sinalizadores no estádio. "Bloquear o Setor Norte mudou em quê? O torcedor vai e compra em outro setor. Isso é um 'me engana que eu gosto', é demagogia. Só prejudica o clube na parte financeira", reclamou.

O dirigente, ao lado do técnico Fábio Carille, aproveitou a entrevista coletiva para agradecer aos torcedores que foram até a porta do CT nesta quinta-feira para manifestar apoio aos atletas.

"Agrega bastante. Incentivo nunca é demais e o Corinthians vive um momento legal dentro e fora de campo. A torcida reconhece isso e vem dar apoio na véspera do clássico. Sei que todos gostariam de estar lá amanhã (quarta-feira), mas o futebol não é como a gente quer. Não sou eu que faço as normas. Gostaria de vê-los nas arquibancadas, mas como não é possível, eles são bem-vindos aqui", disse o presidente.

Carille também agradeceu a manifestação. "É muito importante ter esse apoio neste momento. Isso nos fortalece muito neste ano, que está sendo maravilhoso", comentou o treinador, que fará nesta quarta-feira seu primeiro jogo como treinador no Allianz Parque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário