sexta-feira, 16 de junho de 2017

NOTICIAS DO EC BAHIA 1X1 CORITIBA SERIE A/ 16/06/17 MUITOI MAIS

Sexta, 16 de Junho de 2017 - 08:30

Árbitro relata que Edson revidou cusparada de Kleber

Árbitro relata que Edson revidou cusparada de Kleber
Foto: Joka Madruga/ Futura Press/ Estadão Conteúdo
O árbitro Wagner Reway, relatou na súmula o motivo de ter expulsado o volante Edson, do Bahia, logo depois de aplicar o cartão vermelho para o atacante Kleber, do Coritiba,  no empate em 0 a 0 entre as duas equipes, disputada na última quinta-feira (15), no Couto Pereira. Segundo o juiz, o atleta tricolor revidou a cusparada do jogador do Coxa. Com a punição, Edson irá desfalcar o Bahia diante do Palmeiras, domingo (18), às 16h, na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.  Com dez pontos, o Esquadrão de Aço ocupa a sexta posição no certame nacional.
 
Foto: Reprodução/ CBF
Sant'Ana sobre expulsão de Edson: 'Difícil tomar cusparada, não revidar e ser expulso'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias
O presidente do Bahia, Marcelo Sant'Ana, se pronunciou na noite desta quinta-feira (15) após o empate em 0 a 0 contra o Coritiba, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. As palavras do mandatário postadas em uma rede social foram em relação ao cartão vermelho dado pelo árbitro Wagner Reway ao volante Edson, que recebeu uma cusparada do atacante Kleber, do coxa-branca. "Minha solidariedade a Edson: um dos grandes atletas do @ECBahia. É difícil ser agredido com soco, tomar cusparada, não revidar e ser expulso", escreveu. O dirigente fez questão de elogiar a atuação tricolor, que rendeu o primeiro ponto fora de casa na competição nacional. "Hoje, mais uma vez, preciso aplaudir os atletas. Superamos tudo com atitude e determinação. Parabéns! É lotar a Fonte contra o Palmeiras", destacou. O Esquadrão de Aço enfrenta o Palmeiras no próximo domingo (18), às 16h. Como terá que cumprir suspensão, o volante Edson está fora desta partida.

 
Quinta, 15 de Junho de 2017 - 18:38

Jorginho vê jogo equililibrado e elogia goleiro do Coritiba: 'Foi decisivo'

por Ulisses Gama
Jorginho vê jogo equililibrado e elogia goleiro do Coritiba: 'Foi decisivo'
Foto: Jefferson Peixoto / Ag. Haack / Bahia Notícias
O empate em 0 a 0 com o Coritiba nesta quinta-feira (15) deu ao Bahia o seu primeiro ponto conquistado em um jogo fora de casa neste Campeonato Brasileiro. O resultado da partida no Couto Pereira satisfez o técnico Jorginho, que viu justiça no placar. O comandante tricolor também reservou elogios ao goleiro Wilson, que fez grandes defesas durante o jogo.
 
"O jogo foi bem equilibrado. Eles tiveram oportunidades e nós também, principalmente no segundo tempo, onde a equipe se 
 
superou. Jogamos com personalidade, tivemos oportunidades e o Wilson foi decisivo. Foi um placar justo", declarou.
 
Diferente do que se vê na Arena Fonte Nova, o Bahia passa dificuldades para marcar gols em jogos como visitante. Para explicar o contraste ofensivo, Jorginho citou a dificuldades dos jogos contra o Grêmio e o próprio Coritiba.
 
"Acho que é uma questão de conclusão final. Os jogadores chutaram ao gol, tiraram do Wilson, mas ele foi bem. Foram jogos contra grandes equipes, com o Coritiba vivendo uma grande fase. Jogamos com o Grêmio, que é um dos melhores. Não é qualquer coisa", ressaltou. 
 
O próximo desafio tricolor será no domingo (18), às 16h, contra o Palmeiras, na Arena Fonte Nova. No momento, o Bahia é o sexto colocado, com dez pontos.
Quinta, 15 de Junho de 2017 - 18:21

Vinícius parabeniza o Bahia após empate: 'Jogou com uma proposta boa'

por Ulisses Gama
Vinícius parabeniza o Bahia após empate: 'Jogou com uma proposta boa'
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia
O meia Vinícius, que entrou durante o jogo contra o Coritiba, comemorou o empate sem gols contra o Coritiba na tarde desta quinta-feira (15), pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Na opinião do atleta, a equipe tricolor teve uma grande atuação.
 
"Claro que busquei fazer o gol, mas não teve oportunidade. O time está de parabéns e jogou com uma proposta boa. Está de bom tamanho esse ponto. Mas agora é pensar no Palmeiras, jogo importantíssimo e tenho certeza que o nosso torcedor vai comparecer", disse, em entrevista à Rádio Metrópole.
 
Sem começar jogando, Vinícius explicou que a saída se deu por prevenção do setor fisiológico do clube. Vale lembrar que o jogador passou um período de seis meses sem atuar antes de ser contratado pelo Esquadrão.
 
"Seis meses que não vinha atuando e em uma semana fiz três jogos. O jogo contra o Grêmio foi pegado. Isso mostra que temos elenco e é isso que faz um time vencedor", pontuou.
 
Com o resultado, o Bahia chegou aos 10 pontos na competição. O próximo desafio tricolor será no domingo (18), contra o Palmeiras, na Arena Fonte Nova.
Quinta, 15 de Junho de 2017 - 18:15

Juninho valoriza ponto conquistado diante do Coritiba: 'É de bom proveito'

por Ulisses Gama
Juninho valoriza ponto conquistado diante do Coritiba: 'É de bom proveito'
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias
Após três derrotas fora de casa, o Bahia enfim conquistou um ponto longe de Salvador ao empatar com o Coritiba nesta quinta-feira (15), pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado foi valorizado pelo volante Juninho, que destacou a dificuldade da sequência que jogos que o Bahia passou.
 
"Jogar fora de casa é difícil. Brasileirão é nivelado e pegamos um Coritiba em um bom momento. É difícil ver o jogo do banco, não dá pra ter noção. Depois que entrei, vi que poderíamos ter conquistado o triunfo. Mas é de bom proveito esse ponto, tendo em vista que jogamos contra duas equipes fortes.
 
No próximo domingo (18), a equipe comandada pelo técnico Jorginho volta a jogar contra o Palmeiras, na Arena Fonte Nova. Juninho projeta uma grande partida para conseguir um bom resultado.
 
"Em casa vamos pegar uma grande equipe e, com todo respeito a eles, temos que fazer um grande jogo", indicou.
Lucas Fonseca faz duras críticas à Wagner Reway: 'Nos tratou com desrespeito'
Foto: Max Haack / Ag Haack / Bahia Notícias
Apesar do ponto conquistado, o Bahia teve do que reclamar em relação ao jogo contra o Coritiba. Ao fim da partida empatada em 0 a 0 nesta quinta (15), no Couto Pereira, o zagueiro Lucas Fonseca reclamou da arbitragem de Wagner Reway. Em sua crítica, o defensor tricolor falou em falta de respeito com os jogadores tricolores e citou favorecimento ao time da casa.
 
"A arbitragem fazer o que faz com a gente não existe. O Kleber fala o que quer com o juiz e ele mandava a gente ficar calado. Queria que ele apitasse de forma neutra. Infelizmente, é isso que acontece. Ele tratou a gente com desrespeito e com o time da casa ele parece uma moça. Desde o começo do jogo ele [Kleber] estava procurando. É difícil", declarou, em entrevista à Rádio Metrópole.
 
Lucas também elogiou o trabalho de Jorginho, que já está no comando técnico da equipe há quatro partidas no Campeonato Brasileiro.
 
"Importante esse trabalho de transição entre o Guto e o Jorginho. Estamos procurando assimilar da melhor maneira para executar", explicou.
 
Com 10 pontos conquistados, o Bahia ocupa o sexto lugar da competição nacional. O Esquadrão pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que enfrenta o Grêmio nesta noite, às 21h.
Quinta, 15 de Junho de 2017 - 17:59

Em jogo truncado, Bahia empata com o Coritiba e conquista primeiro ponto fora

por Ulisses Gama
Em jogo truncado, Bahia empata com o Coritiba e conquista primeiro ponto fora
Foto: Reinaldo Reginato / Estadão Conteúdo
O Bahia somou o seu primeiro ponto fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Contra o Coritiba, no estádio Couto Pereira, o Esquadrão fez um jogo disputado com o time da casa e ficou no 0 a 0 na tarde desta quinta-feira (15), pela sétima rodada da competição nacional.
 
Com o resultado, o Bahia agora tem dez pontos conquistados e figura momentâneamente na sexta posição. A próxima partida do tricolor será no próximo domingo (18), às 16h, contra o Palmeiras.

O JOGO
 
Logo no segundo minuto do jogo, o Bahia teve uma ótima oportunidade de sair na frente. Em jogada de contra-ataque, Matheus Reis recebeu na esquerda, cruzou rasteiro, Werley cortou errado e Edigar Junio, caído, tocou e a bola passou ao lado.

Na sequência, a resposta do time coxa-branca respondeu à altura. Thiago Carleto cruzou, Tiago Real ajeitou para Henrique Almeida, que girou na grande área e bateu por cima de do gol de Jean. Aos seis, mais uma chance pro Coritiba. Após cobrança 
 
de falta, Edson falhou e a bola sobrou com Alan Santos, que chutou em cima de Edigar Junio.Um minuto depois, após cruzamento na área do Bahia, Eduardo recuou com o peito e quase traiu o goleiro Jean, que teve que se esticar para fazer a defesa. Aos 15 minutos, o Bahia pediu um pênalti ao juiz Wagner Reway. Na grande área, o atacante Kleber atingiu Edson com um soco. A arbitragem, no entanto, nada marcou.
 
Aos 31, o Coritiba voltou a atacar em busca do primeiro gol. Fora da área, Matheus Galdezani recebeu passe de Henrique Almeida, avançou e chutou rasteiro, ao lado da meta de Jean. Um minuto depois, foi a vez de Henrique Almeira bater de fora da área e assustar o arqueiro tricolor.
 
Henrique Almeida perde chance incrível
 
Aos 41, o Coritiba teve uma grande oportunidade desperdiçada por Henrique Almeida. Dentro da área, o camisa 91 evitou a defesa e serviu para Tiago Real, que chutou para grande defesa de Jean. No rebote e com o goleiro vencido, Henrique finalizou por cima.

Segundo tempo
 
Wilson salva o Coritiba
 
Aos quatro minutos da segunda etapa, Edigar Junio serviu Mendoza de frente para o gol. O colombiano finalizou com categoria, mas o goleiro Wilson conseguiu evitar o gol com um leve toque.
 
Em um lance despretensioso, o Coritiba assustou. Aos 24 minutos, Henrique Almeida cruzou e a bola quase encobre o goleiro Jean, que dá um tapa para a linha de fundo.
 
Kleber e Edson tomam cartão vermelho
 
Antes da cobrança de escanteio, o atacante Kleber, do Coritiba, acertou uma cusparada no volante Edson, do Bahia. Após ouvir um dos árbitros adicionais, o juiz principal expulsou os dois jogadores.
 
Com 30 minutos da segunda etapa, em mais uma cobrança de escanteio do Coritiba, um bate e rebate na área quase facilitou a vida do time da casa, mas a defesa tricolor conseguiu afastar.

O Bahia chegou próximo do triunfo aos 44 minutos. De fora da área, Renê Júnior chutou com força e a bola passou ao lado da meta do goleiro Wilson. O Esquadrão quase viu a situação do jogo contra o Grêmio se repetir. Aos 48, Carleto cobrou escanteio, Matheus Galdezani desviou e a bola passou ao lado.

FICHA TÉCNICA
Coritiba x Bahia
Campeonato Brasileiro – 7ª rodada
Local: Couto Pereira, em Curitiba
Data: 15/06/2017
Horário: 16h
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Fábio Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando (MT)
Assistentes adicionais: Alinor Silva da Paixão e Rafael Odilio Ramos dos Santos (MT)
Cartões amarelos: Tiago Real (Coritiba) / Renê Júnior, Allione, Zé Rafael e Juninho (Bahia)
Cartões vermelhos: Kleber (Coritiba)  e Edson (Bahia)
 
Coritiba: Wilson; Dodô, Werley, Márcio e Carleto; Alan Santos, Matheus Galdezani e Tiago Real (Iago); Henrique Almeida (Alecsandro), Kleber e Rildo (Tomas Bastos). Técnico: Pachequinho
 
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago (Rodrigo Becão), Lucas Fonseca e Matheus Reis; Juninho (Edson), Renê Júnior e  Zé Rafael, Allione (Juninho), Mendoza e Edigar Junio (Vinícius). Técnico: Jorginho.
Destaque do infantil do Bahia é convocado para treinos da Seleção Brasileira sub-15
Foto: Divulgação / EC Bahia
Um atleta do time infantil do Bahia irá participar de um período de treinos com a Seleção Brasileira sub-15. Nesta quinta (15), o meia Índio foi convocado pelo técnico Guilherme Dalla Déa e passará entre os dias 18 e 23 de junho na Granja Comary, em Teresópolis.
 
Índio foi um dos destaques do Esquadrãozinho, que conquistou na última quarta-feira (14) a Copa Metropolitana diante do Vitória, em Pituaçu. Nas semifinais, o jovem Vinicius Urissapa Ianumaka Kamaiura marcou o único gol tricolor na semifinal contra o Ypiranga.
 
O sub-15 canarinho estará em treinamento visando a disputa do Sul-Americano da categoria. A data e o local da competição continental ainda não foram divulgados.
Buscando apagar má fase como visitante, Bahia enfrenta o Coritiba no Couto Pereira
Edson pode ser novidade no Bahia | Foto: Vitor Tamar / EC Bahia
Depois de ter perdido para o Grêmio na última segunda-feira (12), o Bahia tem mais uma oportunidade de conseguir pontuar pela primeira vez em jogos fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Dessa vez, o adversário é o Coritiba na tarde desta quinta-feira (15), às 16h, no estádio Couto Pereira, em Curitiba.
 
Na última segunda-feira (12), o revés veio diante do Grêmio. A primeira derrota de Jorginho como técnico tricolor não o deixa abalado. O comandante acredita em um resultado surpreendente contra o time coxa-branca.

."O Coritiba é sempre forte dentro de casa, o Pachequinho está fazendo um excelente trabalho, sendo até campeão regional. Conheço muito os jogadores deles e a linha de frente deles com Henrique, Kleber e Rildo, que jogou comigo na Ponte. Sabemos o  potencial deles, mas temos o nosso potencial e podemos surpreendê-los", declarou.

Para o duelo, o Bahia não terá o meia Régis, o atacante Hernane, o zagueiro Jackson e o lateral Wellington Silva, em processo de recuperação de lesões. Outro ausência é a do lateral-esquerdo Armero, que está em viagem com a seleção da Colômbia. Lucas Fonseca, que sentiu uma lesão diante do Grêmio, é dúvida.

Por outro lado, o Esquadrão pode ter o retorno do volante Edson, que se recuperou de uma lesão no joelho. 
 
FICHA TÉCNICA
Coritiba x Bahia
Campeonato Brasileiro – 7ª rodada
Local: Couto Pereira, em Curitiba
Data: 15/06/2017
Horário: 16h
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Fábio Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando (MT)
Assistentes adicionais: Alinor Silva da Paixão e Rafael Odilio Ramos dos Santos (MT)
 
Coritiba: Wilson; Dodô, Werley, Márcio e Carleto; Alan Santos, Matheus Galdezani e Tiago Real; Henrique Almeida, Kleber e Rildo. Técnico: Pachequinho
 
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca (Rodrigo Becão) e Matheus Reis; Juninho (Edson), Renê Júnior e Vinícius (Mendoza); Zé Rafael, Allione  e Edigar Junio. Técnico: Jorginho.
Quarta, 14 de Junho de 2017 - 18:55

Bahia oficializa contratação do lateral-direito Régis

por Glauber Guerra / Ulisses Gama
 Bahia oficializa contratação do lateral-direito Régis
Foto: Divulgação/ Red Bull
Agora é oficial! O Bahia anunciou nesta quarta-feira (14), por meio de SMS enviado para os sócios do clube, a contratação do lateral-direito Régis, que estava no São Bento-SP, onde disputou o Campeonato Paulista deste ano. A informação já havia sido adiantada pelo Bahia Notícias na semana passada (veja aqui). O atleta, de 28 anos, acumula passagens pela Ponte Preta, Paysandu, Botafogo, Goiás e Red Bull Brasil. Na Ponte, ele trabalhou com o atual técnico Jorginho em 2013. Agora, o atleta espera ter seu nome regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para ficar à disposição da comissão técnica.



MAIS  DE 991 MIL /16/06/17 - ACESSOS,  RUMO A UM MILHÃO   NO PLANETA  TERRA!

Visualizações de página por país

Gráfico dos países mais populares entre os visualizadores do blog
EntradaVisualizações de página
Brasil
514637
Alemanha
181616
Estados Unidos
128043
Rússia
45550
Malásia
19731
China
14395
Ucrânia
9006
França
6031
Portugal
5601
Índia
4195

TOTAL DE ACESSOS   DO BLOG  MAIS  DE  991 MIL /   BRASIL MAIS  DE  514 MIL  DIA 16/06/17/
Alemanha Mais de  181 Mil,  líder  Internacional  de  Acessos, Estados Unidos  mais  128 Mil.
Nos  Mais de 100  Países do Planeta  Terra
475 ML ACESSOS INTERNACIONAIS,  VISIBILIDADE  EM MAIS  DE 100 PAÍSES NO PLANETA TERRA.....








O POETA MARATONISTA!
             
 Chiquitinha  (Gamaliel Chagas) na  Maratona  do Rio de Janeiro /23/8/1986
(3h 5 min),  foto no  no aterro do  Flamengo/RJ, 42,195 km.

                         CORRER É VIVER, REJUVENESCER...
                   (A Poesia do Corredor)

                          Chego do trabalho, calço o tênis de corrida
Visto a camisa e o calção, sigo para a pista
Ajusto o relógio, preparo logo a partida
Já estou correndo, olho ao redor, que vista!

Montanhas, rios, e lagos, árvores, casas e gente
Tudo desfilando panoramicamente, que paisagem!
Respiro o oxigênio puro, vitalício, vou em  frente
Pensando, medito enquanto corro, recebo mensagens...

É a minha mente livre, inspirando-me poeticamente
Imagens lindas! E, captando energias do além
Vai fortalecendo meu corpo, docilmente
Sinto-me feliz,  porque a corrida me faz bem.

A cada quilômetro percorrido
Estabeleço um ritmo adequado
Subindo e descendo ladeiras, corro
Sempre a cada passo, respirando controlado.

É a técnica treinada com resistência
Força, energia e muita paciência,
Superando meus limites, aprendo a viver
Sim, corro! Corro! Porque sei que vou rejuvenescer...

     Poetizada  em  13/02/1985/Cidade  de Dias D'Ávila, quando Gamaliel Chagas/
 realizava  treinamento (Bairro de Nova Dias D'Ávila).

Poesia em homenagem a todos os corredores de ruas (pedestrianismo) e amantes do atletismo. Direitos Autorais registrado em nome de Gamaliel.   

                       PRINCIPAIS CORRIDAS

Gamaliel Sales Chagas poeta desde os 19 anos de idade  (1970, maratonista, futebolista, pesquisador, historiador,narrador  de futebol,    matense, nasceu 07/07/1951 na rua Luís Sepúlveda Garcez (Centro, Mata de S. João)
Correu  14 maratonas  em 6 estados do Brasil de 1983-87 (S. Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais e João Pessoa)
2 maratonas em Nova York (1984 e 1986)
2 São Silvestre (1983, 1984)
Bi-campeão de 5 e 10 mil metros, Fonte Nova ( 1983+84) – (1984/85)
Escolhido o Maratonista Baiano e revelação do Atletismo da Bahia de 1984,  pela AVAB – Associação de Veteranos de Atletismo da Bahia
Correu 30 km de São Cristóvão/ Aracajú  pela  BR 101  no  ano  de 1986
Melhor tempo em maratonas: 2 h 59 min. (Salvador, 13/07/1985)
Representou os municípios de  Mata  de São João, Dias D'Ávila e Camaçari nas  corridas citas  sem ter apoio financeiro das prefeituras  citadas, apoio da Copene e do próprio Atleta (inclusive  nas duas Maratonas Internacionais  houve apoio da Copene  no translado Salvador Rio de Janeiro e vice   versa, ajuda  na  estádia), sendo  passagens  de ida e volta  a  custo do atleta, e trabalhava das 8 horas  as  17 horas e compensava  os dias  da estadia em New  York (5 dias em 1984 e 1986).

CORREU UM  "MARATONA" DA AMEBA/CIDADE  DE SALVADOR,   COM 37 KM, EM 1987
*******************************************************************************

GAMALIEL CHAGAS - RESUMO DAS PRINCIPAIS CORRIDAS:

O MARATONISTA BAIANO DE 1984 - BICAMPEÃO DOS 10 E 5 MIL METROS NA PISTA DA FONTE NOVA 1983/84.
2 MARATONAS INTERNACIONAIS /CIDADE DE NOVA YORQUE
PENTACAMPEÃO MATENSE DE VETERANOS / CORRIDA RÚSTICA DO BOMFIM DE MATA DE SÃO JOÃO, NA DÉCADA DE 2000.
15 MARATONAS COMPETIDAS - COMPETIÇÃO NO ATLETISMO BAIANO BRASILEIRO, EM 6 ESTADOS DO BRASIL! 5 MARATONAS NO RIO E JANEIRO, 2 EM BRASILIA, 2 SÃO SILVESTRES EM SÃO PAULO, ANOS 1983/84. VÁRIAS ELIMINATÓRIAS BAIANA DA S. SILVESTRE NA DÉCADA DE 1980.

COMPETIU:

01 MARATONA EM SÃO PAULO, 01 EM JOÃO PESSOA, 30 KM DE SÃO CRISTÓVÃO A ARACAJU EM 1985, 2 MARATONAS EM BRASILIA.
COMPETIÇÃO 3 OLIMPÍADAS DO POLO PETROQUÍMICO DE CAMAÇARI ONDE FOI BICAMPEÃ, COMPETIU NOS CITADOS JOGOS, NOS 10M, 1.500M, 5 E 10 MIL METROS, ALÉM DE 28 HM DE CAMAÇARI A PRAÇA ACM IDA E VOLTA, QUANDO FICOU EM 5º LUGAR ANO 1982.
COMPETIU DEZENAS DE CORRIDAS EM SALVADOR E CIDADES DO INTERIOR DA BAHIA, CONQUISTANDO MEDALHAS E TROFÉUS....

NESSE PERÍODO TRABALHAVA DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA, TREINAVA DAS 17H40 ÁS 20H30 DA NOITE. E FIM DE SEMANAS.





Gamaliel  na 1ª  Maratona da Independência da Bahia 1984 Salvador/Ba. 42. 198 metros
DIA 27/08/16



Curso  de  Comunicações  Verbais

(Um dos  melhores do Brasil/S. Paulo com credenciamento CFMO 097}


     No ano   de  1985  Gamaliel   iniciou  o   curso  de  Comunicações  Verbais  PPD-IOB (Treinamento  Programado  a  Distância)  por  correspondências  tendo  concluído  o  citado curso no  dia  7/3/1986.  O  citado  curso  organizado  por Oswaldo  Melantonio,  formado em  Direito, Filosofia  e  Jornalismo,  Oswaldo   presidente de  honra  de   várias  instituições  culturais  dentre  elas  a  Academia   Paulista de   Oratório  e  Academia   Brasileira  de   Comunicações  Verbais. O  curso  de  Comunicações   Verbais  teve  a  duração  de  6  meses  equivalente  a  100 horas/ aula  e  credenciado  pelo  CFMO  097.
.
     Oswaldo  Melantonio  realizou   vários   cursos  complementares  no  exterior  e  no  ano  de   1986   fazia 35  anos  se  dedicando  exclusivamente  as  Comunicações  Verbais;  inicialmente,  oratória   formal   e  informal   para   líderes   políticos   e  religiosos.   Nos  últimos   anos   Oswaldo  especializou-se   na   área   de   comunicações   dos   executivos,  objetivando a melhoria  da  produtividade  pela  eficiência  da  comunicação.

PERSONALIDADES EXPOENTES DAS  COMUNICAÇÕES VERBAIS

Várias personalidades  de Top  da  Política Executivos, da Oratória  Geral,  Locutores Esportivos, a  exemplo  de Osmar Santos/SP, Orestes Quércia  Jânio Quadros, Franco Motoro e  outros  expoentes que realizaram este  magnífico  curso, amplo usando as técnicas  da Grécia  antiga,   a exemplos  de   formidáveis  gênios  da  Comunicação, oratória da Grécia Antiga,celeiro exuberantes, Ícones das Comunicações Verbais; Aristóteles Demóstenes Cícero, este  considerado como um dos  maiores   gênios nas  Comunicações  verbais da  Grécia  e  do  Mundo, chegando ao ponto  de  governantes políticos gregos tentarem elimina-los, tal era o seu poder de oratória persuasiva (dotado de espetacular oratória  de convencimento, resumindo   era  um " Um Gênio Abençoado  da  Oratória  das Comunicações Verbais!".
    
Conteúdo  do  curso

     Introdução,  exposições  práticas,  técnicas  da  comunicação  dos  executivos,  educação  da  voz,  expressão  corporal,  figuras  de  estilos,  dez   qualidades   básicas   do  executivo,  práticas  de  comunicações  verbais  e  práticas  de  oratória
     De  modo  especial,  Oswaldo  realiza  treinamentos  para  as  lideranças  dos   principais  escalões   das   grandes   organizações   privadas   e   publicas.  O   citado   curso  já  treinou  grandes  personalidades  de diversos  seguimentos  sociais  a  exemplo  de  Franco  Motoro, Osmar   Santos,  narrador   esportivo   no  estado  de  São  Paulo,  Jânio   Quadros   que   foi  Presidente   da   República   de   31/1/1961   renunciando   o   governo   em   25/8/1961,  foi  prefeito  de  São Paulo  nas  décadas  seguintes.

     Jânio  Quadros  nasceu  em  Campo  Grande,  (Mata  Grosso  do  Sul)  no  ano  de  1917  e  faleceu  no  ano  de  1992  em  São  Paulo  e  outros  não  citados.  IOB – Cursos    de    Legislação   Empresarial   Ltda – CGC   47.677.810/0002-21,   credenciado  no  CFMO  097,  com  endereço  na  Avenida  Marques...  Asa  Branca – SP

********************************************************************************
TORCIDA, DA NAÇÃO  TRICOLOR DO EC BAHIA!
RUA LADEIRA DAS PEDRAS SETOR NORTE DA ARENA FONTE NOVA /BAHIA/BRASIL/20
******************************************************************************

                                      GALERIA DE  FOTOS

FOTOS DE FRANK CHAGAS  NO  VITÓRIA 1961 

Vitória Campeão 
 Torneio Início 30/07/1961/Fonte Nova


                              VITÓRIA CAMPEÃO DO TORNEIO INÍCIO 30/07/1961


EC Vitória campeão do Torneio início de 1961/ na primitiva Fonte Nova, com mais de 22 mil pessoas, Flu de Feira foi o vice-campeão. Torneio inicio Organizada pela ABCD - Associação Bahiana dos Cronistas Desportivo.
O citado Torneio, tradicional da então FBDT - Federação Bahiana de Desporto Terrestre (atual FBF). Abria o tradicional Campeonato Baiano de profissionais, desde dos primórdios, do citado campeonato da antiga FBDT (atual FBF).
Frank Chagas, com este titulo do torneio início, tornou-se o primeiro jogador metense no Profissional da Bahia, a sagra-se Campeão de evento profissional do futebol Baiano.
Neste citado Torneio, a renda era para ABCD, a Fonte Nova, recebeu um público excelente de mais de 22 mil pessoas pagantes..
Em pé: Frank Chagas, Touro, Ouri, Medrado, Carlos Alberto... Agachados: Reginaldo (2º), Matos, Carlinhos Gonçalves e Ricardo. Tecnico Pinguela


EC Vitória campeão do Torneio início de 1961/ na primitiva Fonte Nova, com mais de 22 mil pessoas, Flu de Feira foi o vice-campeão. Torneio inicio Organizada pela ABCD - Associação Bahiana dos Cronistas Desportivo.

O citado Torneio, tradicional da então FBDT - Federação Bahiana de Desporto Terrestre (atual FBF). Abria o tradicional Campeonato Baiano de profissionais, desde dos primórdios, do citado campeonato da antiga FBDT

(atual FBF).

Frank Chagas, com este titulo do torneio início, tornou-se o primeiro jogador metense no Profissional da Bahia, a sagra-se Campeão de evento profissional do futebol Baiano.

Neste citado Torneio, a renda era para ABCD, a Fonte Nova, recebeu um público excelente de mais de 22 mil pessoas pagantes..
Em pé: Frank Chagas, Touro, Ouri, Medrado, Carlos Alberto... Agachados: Reginaldo (2º), Matos, Carlinhos Gonçalves e Ricardo. Tecnico Pinguela
FLU DE FEIRA VICE-CAMPEÃO DO TORNEIO 1961

Flu de Feira Vice-campeão do Torneio Início de 30/07/1961/Fonte Nova



VITÓRIA 0x 2 FLU DE FEIRA/Campeonato Baiano de 1961

Time do Vitória 1961 Fonte Nova, Ataque, agachados: Frank (nº 7), Reginaldo, Matos, Carlinhos Gonçalves....Em pé: dentre outros, vemos Nelinho e Boquinha (direita da foto), Jornal Tarde 24/09/1961 (jogo abaixo).

Nessa partida o EC Vitória jogava pela sequencia do campeonato Baiano de Profissionais, na primitiva Fonte Nova, diante do timaço do Flu de Feira e o Vitória foi derrotado por 3x2, com Frank Chagas na ponta direita (ele, Frank, era o coringa do Vitoria e jogava, em várias posições, ataque, defesa, meio campo, sendo técnico o excelente jogador Pinguela (exercia dupla função de jogador e técnico interino do Leão da Barra)).

Nenhum comentário:

Postar um comentário