terça-feira, 25 de outubro de 2016

CBF DECRETA LUTO OFICIAL DE TRÊS DIAS, APÓS A MARTE DE CARLOS ALBERTO TORRES




25/10/2016 13h18 - Atualizado em 25/10/2016 13h34

CBF decreta luto oficial de três dias após morte de Carlos Alberto Torres

Capitão do tricampeonato de 1970 é vítima de infarte no Rio de Janeiro, aos 72 anos

Por 
Rio de Janeiro
Torres Twitter CBF (Foto: Reprodução/Twitter)Perfil da CBF no Twitter lembra visita de Torres ao museu da entidade (Foto: Reprodução/Twitter)
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decretou luto oficial de três dias pela morte de Carlos Alberto Torres, capitão da Seleção na conquista da Copa do Mundo de 1970. O ex-jogador sofreu um enfarte fulminante nesta terça-feira, aos 72 anos.
Torres disputou 69 jogos com a amarelinha e teve 54 vitórias, seis empates e nove derrotas, com nove gols marcados. Além do Mundial de 70, o ex-lateral-direito conquistou a Copa Rio Branco pela Seleção em 1968.
Além de capitão, Torres entrou para a história na Copa de 70 por ter marcado o último gol da vitória do Brasil por 4 a 1 na final contra a Itália. Após a partida, eternizou o gesto de levantar a taça Jules Rimet, que ficou em definitivo para a CBF por causa do tri (a taça seria roubada e derretida em 1983).

Nenhum comentário:

Postar um comentário